quinta-feira, 29 de março de 2007

Se as minhas palavras fossem feitas de cristal,
Já as terias quebrado todas... com o teu silêncio.

16 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Que lindo!
:)

3/29/2007  
Blogger Utzi said...

Quem bate à minha porta? Quem chama por mim? Serás tu Constança?... Beijinhos e obrigada :)

3/29/2007  
Blogger Topo de Gama said...

Ambiente nao está pesado :) mas sim atento a todas as possibilidades, e a rejeiçao tb é uma nao? :D

Qt a esta tua postagem, alguem me disse ke a antitese do amor nao é o odio, mas sim a indiferença.. Será o silencio uma indiferença? ou apenas uma forma de dar akele espaço necessario?

bjis ;)

3/29/2007  
Blogger Utzi said...

Topo de gama, se é essa a tua interpretação do texto, claro que é uma possibilidade :)

Eu também acho que o ódio não é uma antítese do amor, aliás, o ódio está muito próximo, em termos emotivos (psicofisiológicos), da paixão... entre o ódio e a paixão a barreira é ténue... ou seja, facilmente a faísca se tranforma num fogo incontrolável.
Quanto ao silêncio, ele pode ser uma forma de manifestar indiferença, mas acho que essa é apenas uma das suas muitas facetas. O silêncio é uma forma de comunicação (ainda que isto possa parecer antagónico) muito complexa. Com ele pode dizer-se tudo e nada... Cabe a quem "ouve" o silêncio, a sensível tarefa de saber interpretá-lo.

Beijinhos :)

3/29/2007  
Blogger P.M.A said...

Nao é facil ouvir o silencio e quebra-lo com palavras!

3/29/2007  
Blogger Pedro Branco said...

Como as minhas palavras são feitas de cristal, sinto-as brilhar de cada vez que passas.

Beijo.

3/29/2007  
Blogger Utzi said...

P.m.a, mais um beijinho para ti :)

Pedro Branco, as tuas palavras são mesmo de cristal... translúcidas e delicadas :) Beijo

3/29/2007  
Blogger teorias said...

Tão ténue a linha das palavras e do silêncio... Muita coisa se pode dizer com um silêncio... e nada pode ser dito com muitas palavras!

Muito bonito.
bjs

3/29/2007  
Blogger Utzi said...

Teorias, perfeitamente de acordo contigo. Beijinhos :)

3/29/2007  
Anonymous Constança said...

Tão querida, Utzi! Por acaso não fui eu, mas aqui estou... A falta de tempo deixa-me muitas vezes com saudades de vir aqui, sim. :)

O silêncio dói muito, não é? Acho que já me incomoda, mesmo... :\

*

3/29/2007  
Blogger Utzi said...

Constança, tens que fazer um blog também tu, assim, quando tu não tiveres tempo de passar por aqui, visito-te eu por lá ;) Beijinhos

3/30/2007  
Anonymous Constança said...

Já pensei no assunto, mas estou sempre á espera de sei lá o quê.. :)

3/30/2007  
Blogger Utzi said...

Constança, nada de desculpas! Tou à espera... Beijinhos ;)

3/30/2007  
Blogger Kristal said...

Palavras de Kristal !
Adorei isso !!!

3/31/2007  
Blogger Carol Barcellos said...

Vim aqui procurar nuvens passadas. Hmmm, essa frase é demais! Pq de novo acho q tem tudo a ver comigo? É, minha amiga, e não é que ele quebrou mesmo com o silêncio? Pensas meu pensamento presente, e ainda adivinhas meu passado.

Beijos!!!

12/12/2007  
Blogger nuvem said...

Carol, é porque estamos em sintonia... :) Mil beijos, linda.

12/12/2007  

Enviar um comentário

<< Home