terça-feira, 20 de março de 2007

Viagem

Entranho-me na noite calma
Por caminhos tristes,
pesados

Os olhos transbordam a tua imagem

O frio gela-me os passos, cansados

Só a tua presença me aquece a alma

Nesta longa e solitária viagem...

9 Comments:

Anonymous Constança said...

Gostei da antítese dos dois últimos versos.

De resto posso dizer que quase ouvi esses passos cansados, ao ler o poema. Tens um pequeno grande talento, Utzi! :)

*

3/20/2007  
Anonymous intruso said...

Obrigado pelas tuas simpaticas palavras deixadas no meu blog.

Gostei muito da sublimidade desta viagem.

Boa noite.

Luis Mendes

3/20/2007  
Blogger Utzi said...

Constança, a vida é assim... cheia de antíteses... :)
Um beijinho muito grande.

Intruso, nada a agradecer, gostei muito do teu blog, é com prazer que o visito. Um beijo

3/21/2007  
Blogger Topo de Gama said...

Ai cara amiga!

Ta pesado o ambiente por ai?? Uma pessoa lembra-se mais dessas viagens do que daquelas cheias de correrias e alegrias, nao é??

Mas olha, até as noites têm um fim ;)

bjos

3/21/2007  
Blogger Utzi said...

Topo de Gama, eu lembro-me de todas as viagens, mas só algumas me inspiram a escrever :) Beijinhos

3/22/2007  
Anonymous fatima said...

Gostei muito deste teu poema, Utzi.
Gosto muito da tua escrita: simples mas mt expressiva. Não "gastas" as palavras e não as desperdiças tb. Fazes um acertado e bonito uso delas ...

Beijinhos, para ti!

3/22/2007  
Blogger Utzi said...

Fátima, obrigada pelo incentivo e simpatia que sempre deixas nos teus comentários. Um beijo grande :)

3/22/2007  
Blogger Klatuu o embuçado said...

Deste gosto.

3/27/2007  
Blogger Utzi said...

Klatuu o embuçado, fico contente... tu és difícil de agradar! Beijo

3/29/2007  

Enviar um comentário

<< Home