quarta-feira, 5 de setembro de 2007

Sangue


És sangue do meu sangue, sangue de cada ferida, sangue de cada dor, sangue de despedida, sangue do meu corpo, sangue da minha alma, sangue do meu amor, és sangue que me dá vida.

20 Comments:

Blogger Delfim Peixoto said...

Gostei!
jnhs

9/05/2007  
Blogger Brain said...

"...
És tu,
Quem me preenche por inteiro,
Poro a poro,
Célula a célula,
Gota a gota,
De mim,
Que se encontra,
Tanto,
E sempre,
Em ti.
..."


Excerto do meu último post.
:)

Tu,
Tal como na tua imagem (foto),
Sempre a inovar,
Para Melhor!

Beijo.

9/05/2007  
Blogger Francis said...

caneco, foi forte...keep cool.

;)

9/05/2007  
Blogger NeLiNhA said...

sangue...creepy!

9/05/2007  
Blogger Putty Cat said...

Palavras tuas:
Sangue do teu sangue
Transfusão em nós.

Beijo

9/06/2007  
Blogger Utzi said...

Delfim peixoto, obrigada por esta primeira (de muitas, espero) visita, e pelas palavras deixadas. Beijo

Brain, esse teu poema é lindo, emocionou-me quando o li... :) Beijo

Francis, i´ll try ;) Beijo

Nelinha, creepy... Achas?... Numa interpretação mais "noire", é capaz... :) Beijinhos

Putty Cat, palavras tuas, presumo... :) Beijinhos

9/06/2007  
Blogger Putty Cat said...

Não...

Palavras TUAS mesmo. :)

9/06/2007  
Blogger Utzi said...

Putty cat, então obrigada, é uma honra ser presenteada com essas palavras... Vou guardá-las com carinho :) Beijinhos

9/06/2007  
Anonymous madrugada said...

Segue os ciclos difusos do sangue
onde de olhos fechados
o sentimos fazer palpitar
o coração.

Muito belo é ser sangue do sangue de alguém sem dor.

Nunca ter sangue de dor;
para nunca sangrar por uma ferida.

Nunca ter uma alma ferida,
para nunca sangrar-mos um coração.

PORQUE É ELE QUE NOS DÁ VIDA.

Belo,
o que escreves-, por vir do coração.

Cumprimentos.

9/06/2007  
Blogger Utzi said...

Madrugada, eu acho que a dor está sempre associada ao amor... Se nunca tivermos sentido dor pela pessoa que dizemos amar, quando ela sofre ou quando está longe de nós, então não a amamos verdadeiramente...
Obrigada pelas tuas palavras :) Beijo

9/07/2007  
Blogger cm said...

mescla de agua e fogo no suspiro das palavras...sangue

9/07/2007  
Blogger Utzi said...

Cm... gostei dessa imagem :) Beijo

9/07/2007  
Blogger soul&body said...

adorei ;)

9/08/2007  
Blogger Fernanda e Poemas said...

Gostei muito da tua postagem.
Lindíssima!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Bom fim de semana.

Beijinhos com sabor a mar.

Fernandinha

9/08/2007  
Blogger Magnolia said...

é pela força do sangue, que grita a paixão, é pela força do sangue que se sussura " eu amo"

Gostei muito! Os meus parabéns, excelente blog

9/09/2007  
Blogger Utzi said...

Soul&body, obrigada pela visita e pelo comentário. Espero que voltes :) Beijo

Fernanda e poemas, obrigada pelas palavras que me deixaste. Fico à espera que cá vás deixando mais algumas :) Beijo

Magnolia, muito obrigada :) Volta sempre que quiseres. Beijo

9/10/2007  
Blogger as velas ardem ate ao fim said...

Sangue da vida!

bjos

9/10/2007  
Blogger Utzi said...

As velas ardem até ao fim, é isso mesmo :) Beijinhos

9/10/2007  
Blogger Dawa said...

Tão lindo!
Um dos mais bonitos que li por cá. :D
Qualquer dia faço uma antologia dos teus poemas. lol
beijos, linda!

9/11/2007  
Blogger Utzi said...

Dawa, tu é que és linda :) Obrigada pelas tuas palavras sempre tão docinhas. Beijinhos

9/12/2007  

Enviar um comentário

<< Home