quarta-feira, 9 de janeiro de 2008

Controlo

Controlo. Adoras essa palavra. Adoras o poder que ela te dá. Despes-lhe as sílabas com todo o teu charme, fazendo-a tremer. Com a tua voz rouca arrepias-lhe as letras, uma a uma, enquanto os teus dedos lhe percorrem as linhas curvas do corpo. E os teus olhos brilham de prazer. Um prazer que não partilhas, que é só teu. Um prazer que dominas, como tudo o resto na tua vida.

De vez em quando, como se de um gesto de generosidade se tratasse, deixas que alguém pense que te tem. Abres os braços e deixas que ela te adormeça em cima do peito, esse peito que faz ecoar um coração que bate sempre com a mesma cadência. Permites-lhe que te ame, que se entregue, que se perca por completo em ti. Depois, sem piedade, fechas os braços e esmagas a ave frágil em que a tornaste permitindo-lhe voar em sonhos contigo, acordando para sempre o silêncio do seu sono inocente com uma única palavra: Controlo.

Então sorris tranquilo.


Imagem retirada de olhares.aeiou.pt

20 Comments:

Blogger mixtu said...

controlo...
os homens... gostam de sentir que controlam...
controlo...
curioso: as mulheres gostam que os homens sejam seguros e "controlados"

abrazo serrano

1/09/2008  
Blogger Xisko the kid said...

os homens gostam e as mulheres tambem, é preciso é saber usá-lo.

1/09/2008  
Blogger Hyoma said...

Controlo, o escudo ideal para esconder e disfarçar a insegurança...

O texto está...como sempre...excelente. Um texto que só "cai" de uma Nuvem. "A" Nuvem.

***

1/09/2008  
Blogger Carol Barcellos said...

As mulheres gostam q os homens demonstrem segurança e controle, mas não a esse ponto. Esse tipo de homem só traz decepções, lágrimas, a sensação de ter sido usada...
Mas quem é assim, desse jeito, um dia ou outro, vai perceber que precisa de alguém...que o controle. E é bem possível que neste momento esteja completamente só, e sem opções a quem recorrer.

Beijocas doces cristalizadas!!!

1/09/2008  
Blogger Karina said...

Há de se aprender não a deixar de ser ave, ou de voar em sonhos, mas a deixar de ser tão frágil. Acredite, eu sei o quanto isso é difícil!
Belíssimo texto!
Bjos

1/09/2008  
Blogger Francis said...

sogadito, muito sogadito.

1/09/2008  
Blogger Putty Cat said...

De controlo, só se for o Auto.

Os restantes, não passam de manias de quem é fraco.

1/09/2008  
Blogger little_blue_sheep said...

...não te deixes controlar...
;)
***

1/09/2008  
Blogger Blue Velvet said...

Grande, grande texto.
E verdadeiro.
Parabéns, nuvenzinha

1/09/2008  
Blogger htsousa said...

Já se comentou que o controlo é um escudo para a insegurança, a maneira última de se encarar o pânico do desconhecido e incontrolável.

Mas também quem se entrega ao controlo, busca nos outros a segurança que não tem...

Beijo

1/09/2008  
Blogger as velas ardem ate ao fim said...

Duro este texto.Muito duro.Tu deixa te estar sem controlo!

bjinhos

1/10/2008  
Blogger Lídia Amorim said...

tipico de milhares de homens... mas tb de muitas mulheres...

Um sentimento que destrói corações que amam de verdade, mas que um dia se torna incontrolável...

beijinhos! visita-me :)

1/10/2008  
Blogger anamoris said...

Por vezes também é bom exactamente o contrário o DESCONTROLO...
A Paixão que é um sentimento mais intenso, mas é também o mais descontrolado.
Beijos

1/10/2008  
Blogger Pedro Branco said...

Falamos de amor, certo, senhora psicóloga? E nisso, o controlo tem muita importância. E o Control! Eheheheh

Beijos.

1/10/2008  
Blogger Rain said...

Que ilusão essa a do controlo...
Vir aqui ler-te dá sempre que pensar! Por isso é que adoro passar cá!

1/10/2008  
Blogger Carlos Ramos said...

David Gray "This Years Love"

Bj.

1/10/2008  
Blogger NeLiNhA said...

controlo? só se for emocional!!!!

1/10/2008  
Blogger nuvem said...

Vejo que no final das contas quem controla isto tudo são vocês! :) Não vos falha nada...

Mil beijos a todos

1/11/2008  
Blogger melgadoporto said...

Se falamos de realidades, o controlo é um domínio.
Se falamos de irrealidades, o controlo é uma ilusão.
Se falamos de sabores, o controlo é um dom.
Se falamos de tempo, o controlo é uma virtude.
O controlo que aqui li, não existe!
E se existe é irónico, como os “sorrisos” o serão!
:)

1/11/2008  
Blogger LNeves said...

Controlo ou Control??? Sinto-me intrigada... :P

***MUAH***

1/18/2008  

Enviar um comentário

<< Home