sexta-feira, 11 de janeiro de 2008

Interrompida

Interrompeste-me de mim.

Deixaste-me suspensa no ar que respiras
E me tiras...

Continuo-me em ti.









Imagem retirada de olhares.aeiou.pt

24 Comments:

Blogger Karina said...

É árduo nos separarmos de alguém quando somos costurados com linhas tão fortes, não é?!
Simples, curto e perfeito texto.
Adoro esse cantinho, me sinto em casa!
Bjinhos =**

1/11/2008  
Blogger Carol Barcellos said...

Somos mesmo por vezes interrompidas, e resolvidas no nosso amor como tônicas absolutas...

Amei o poema, e novidade: comprei um caderninho especial pra colocar os poemas que mais gosto dos blogs, e adivinha, começa com uns dez da Utzi, hahaha...É isso aí, enquanto vc não publica o livro, vou escrevendo no caderninho. Até ter meu pedacinho de nuvem pra colocar na cabeceira.

Beijinhos de cristal!!!

1/11/2008  
Blogger anamoris said...

Olha hoje não estou nada romântica, deve ser do tempo.
Sabes que te digo? Ás vezes mais vale só que mal acompanhada...
Beijos e bom fim de semana

1/11/2008  
Blogger True colors said...

Muito bonito, como sempre!
Beijinhos, menina nuvem!

1/11/2008  
Blogger Blue Velvet said...

Interrompeste-me de mim...coisa mais bonita de se sentir e de se pôr em palavras.
Mas tu consegues.
Parabéns e bom fim de semana

1/11/2008  
Blogger Carol Barcellos said...

Voltei pq esqueci de dizer que a imagem que vc escolheu está uma fofura, muito linda mesmo!

Beijinhos cristalizados!!!

1/11/2008  
Blogger Francis said...

ai tão sogadito que eu estou...

1/11/2008  
Blogger Rui Caetano said...

Interromper de si e fazer parte de um rosto de amor é das coisas mais deliciosas e encatadoras desta vida tão difícil.

1/11/2008  
Blogger Hyoma said...

Hum..."Continuo em ti"...O apego profundo, e a presença numa possível extensão...

Simples mas profundo...

***

1/11/2008  
Blogger Nilson Barcelli said...

Belas palavras.
Continuo-me a deliciar na tua escrita...

Bfs, beijinhos.

1/11/2008  
Blogger nuvem said...

Karina, ainda bem que te sentes assim :) Fico feliz por saber. Beijinhos

Carol, és um amor :) Mil beijinhos

Anamoris, também sigo esse lema ;) Beijinhos

True colors, obrigada :) Beijos

Blue velvet, tens razão, é a coisa mais bonita de se sentir... :) Obrigada pelas palavras, sempre gentis. Beijinhos

Francis, isso, continua assim que vais pelo bom caminho :) Beijo

Rui caetano, concordo plenamente. Beijo

Hyoma, obrigada. Beijo

Nilson, ainda bem que gostaste. Beijo

1/12/2008  
Blogger POETA VAGABUNDO said...

palavras da cor do blog...
beijo vagabundo

1/12/2008  
Blogger nuvem said...

Poeta vagabundo... :) Beijo

1/12/2008  
Blogger Jose said...

Poema pequeno, simples, belo, mas com uma profundeza sem limites.

Um beijo miúda


José

1/12/2008  
Blogger mixtu said...

continuar em ti (nele)

suspenso...

um caminho

dois seres

dois amantes

um sol

uma sombra

abrazo serrano

1/12/2008  
Blogger David said...

A separação é quase sempre dolorosa... mas mais doloroso ainda é o "stand by" em que muitas vezes a nossa vida fica... sem o botão do forward. O ficar suspenso...

Um beijinho grandeu

1/12/2008  
Blogger Sandrine said...

bonito =)

1/12/2008  
Blogger Nuno Tavares said...

Cada vez que venho ver o teu Blog... o dia até me corre melhor! Em 2 palavras... Im Pressionante! :)
Beijinho

1/13/2008  
Blogger Pedro Branco said...

Penetras-te...

1/13/2008  
Blogger nuvem said...

Jose, obrigada. Um beijo

Mixto... :) Beijo

David, bem verdade. Beijo

Sadrine, tive uma querida amiga de infância com esse nome :) Obrigada pela visita, volta sempre que quiseres. Beijo

Nuno tavares, que bom que assim é :) Um beijo para ti

Pedro branco, será que te enganaste na janela de comentários?... :) Beijo

1/13/2008  
Blogger Maria Laura said...

Como se a outra pessoa nos tirasse e devolvesse parte de nós...

1/13/2008  
Blogger MADRUGADA... said...

De cada vez que aqui venho,cada vez que daqui saio-satisfeito.

Cumprimentos.

1/14/2008  
Blogger nuvem said...

Maria laura, se é que chega a devolver-nos o que quer que seja... Beijo

Madrugada, obrigada :) Beijo

1/14/2008  
Blogger cacau said...

é maravilhoooso esse sentimento... e pode ser a fonte de demasiado sofrimento... todos sabemos isso um pouco um pouco...

1/30/2008  

Enviar um comentário

<< Home