quarta-feira, 23 de abril de 2008

As gatas são matreiras...

Certo dia, estava eu a matar muito quentinha na minha casinha, e aparece-me, toda senhora do seu pêlo, uma gatinha. Uma gata igual às outras, pensei eu, mas não. Esta gata era diferente, além de bela e inteligente, cativava toda a gente, e era Dona de um senão... É que com todo o seu encanto, desviava as atenções, e, com as unhas escondidas, quando menos se esperava, pregava-nos partidas com as quais se deliciava... Uma gata matreira, esta, sempre à procura de festa! Mas eu, como gostava muito dela, não me importava de cair na esparrela e dizer uns disparates... Até nem me importava de a ver rir a bandeiras despregadas das minhas respostas engraçadas às suas traquinices, ou de parecer uma tolinha ou de inventar parvoíces! Juro que não me importava de tanto que ela gozava, a um canto encolhidinha!... E sabem porquê? Porque, na verdade, me sentia uma grande sortuda por conhecer esta gatinha, matreira mas docinha!


Um desafio sorrateiramente proposto pela minha estimada Donagata... :)

"A proposta é manifestar,
daquilo que vos ocorrer,
seis coisas que não se importem
de ter, ou então de fazer."

E passo o novelo a quem o quiser desenrolar!


Imagem retirada de http://ruanoblog.blogspot.com/2007_12_01_archive.html

13 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Uma LINDA e SENTIDA Declaraçao de Amizade !!!
É SEMPRE BOM Ler-te ;) ...

Bjo doce ... H.F.

4/23/2008  
Blogger PavlovDoorman said...

"As gatas são matreiras", malandras e gozonas...

A Menina Utzi escreve tão bem que por vezes parece que sabe e sente de facto o que escreve...

Beijinho Menina Utzi

4/23/2008  
Blogger Putty Cat said...

Hei?

Matreiras? As gatas?

huuummmmmm......

Miau miau!!

:)

4/23/2008  
Blogger Donagata said...

Está fantástico!!! Aliás não esperava outra coisa. O que eu não esperava, confesso,era ficar comovida...
Muito obrigada, por ter aceite o desafio e por tê-lo feito da forma generosa e carinhosa que só algumas nuvens são capazes.
Um beijo muito sentido e até um pouquinho húmido.

4/23/2008  
Blogger nuvem said...

A., e é merecida, podes ter a certeza :) Beijos

Pav, "bai na bolta"... hehehe :) Beijos

Putty cat, eu sei que concordas! :) Beijinhos

Donagata, fico muito feliz por ter gostado, acredite que foi escrito com o coração. Um beijinho meu :)

4/23/2008  
Blogger as velas ardem ate ao fim said...

E que não gosta de uma matreirice??!

um bjo

4/23/2008  
Blogger Narrador said...

Gato...Saudades...

KISS

Foi bem escrito.

4/23/2008  
Blogger Blue Velvet said...

Linda nuvem,
eu desenrolo este novelo daqui a uns dias.

É que agora vim avisar que se me visitares e encontrares o meu blog privatizado, não é porque o fechei aos amigos:))))
É só porque estou a mudar quase tudo nele, e é impossível fazê-lo com ele aberto.
É mesmo um novelo:))))
Deve demorar uns 2 dias, talvez menos.
Fico à tua espera, no mesmo endereço, mas de carinha lavada.
Dias Felizes

4/24/2008  
Blogger Perla said...

Gostei muito da forma como te desenvencilhaste deste novelo...
Ficou muito bem!

Beijinho

4/24/2008  
Blogger antonio said...

Cá em casa também mora uma gata, não tem pelo macio, mas gosta de deitar as garras de fora e de arranhar... mas chega de falar da senhora casada que mora cá em casa.

4/24/2008  
Blogger nuvem said...

As velas ardem até ao fim, também acho que todos gostamos ;) Beijinhos

Narrador, também tenho saudades da minha antiga gatinha muitas vezes... Percebo-te bem. Beijos

Blue velvet, fico à espera de ver essa nova decoração :) Mil beijinhos querida

Perla, ainda bem que gostaste. Beijinhos :)

4/24/2008  
Blogger f@ said...

Olá vim das nuvens e passei aqui da Bluevelvet por curiosidade pelo nome... boa surpresa ...parabéns pelo blog tão bonito e pela gatinha miau miau e rom rom beijinhos da nuvens

4/29/2008  
Blogger nuvem said...

F@, obrigada pela simpática visita e pelas palavras deixadas :) Beijinhos

4/30/2008  

Enviar um comentário

<< Home