sábado, 14 de fevereiro de 2009

Só o poema que sou


Sou só mais uma brisa de vento,
Só mais um passo lento,
Uma palavra esquecida no ar.

Sou mais uma lágrima que cai tarde,
Só mais uma ferida que arde,
Sou a tristeza que se ri no olhar.

Sou só mais um grito de dor,
Só mais um poema de amor,
Uma nuvem que se desfaz no mar.


Foto retirada de http://olhares.aeiou.pt

15 Comments:

Blogger Big Girls Don't Cry said...

Amei... adoro o que escreves...
tocante
intenso
verdadeiro
Bj

P.s: quando sai o livro estou ansiosa ...
beijokas

2/14/2009  
Blogger PavlovDoorman said...

"Sou a tristeza que se ri no olhar"

Lindo e tão verdadeiro Menina Utzi

Beijo e Parabéns por esse dom

2/14/2009  
Blogger antonio - o implume said...

Somos todos uma brisa, passamos pelas coisas ao de leve, quase sem lhes tocar, de tão efémeros que somos.

2/14/2009  
Blogger nuvem said...

Big Girls Don´t Cry, obrigada... Não há nada melhor do que saber que as nossas palavras fazem sentido para mais alguém além de nós... O livro, tá quase! Beijinhos

Pav, obrigada... Dom é uma palavra bonita, espero merecê-la. Beijinhos

Antonio - o implume, bem verdade...

2/14/2009  
Blogger Amor amor said...

Estamos todos ansiosos pelo livro, que torço para que sea o primeiro de muitos. Usaram a palavra certa: dom, tenha certeza de que tu o tens. E que tuas palavras que mostram a fragilidade da vida não sejam efêmeras, mas eternas...

Beijocas doces cristalizadas, querida Nuvem!!! ;o)

2/14/2009  
Blogger nuvem said...

Amor amor, obrigada pelo carinho e apoio e pelos tantos elogios que me ofereces... :) Um beijo muito grande

2/15/2009  
Blogger Fenix said...

Muito bonito!

Gostei!

Abraço
Fenix

2/15/2009  
Blogger nuvem said...

Fenix, muito obrigada. Beijo

2/15/2009  
Blogger Donagata said...

«Sou "só" eu» a esbanjar talento nestes versos lindos que partilha, generosamente, connosco.

É sempre um prazer enorme vir aqui.

Um beijo.

2/15/2009  
Blogger Pedro Branco said...

Não te desfazes. Refazes-te a cada verso. Pelo menos os meus olhos brilham quando assim cantas!

2/15/2009  
Blogger nuvem said...

Donagata, sou mesmo só eu a escrever-me mais um pouco... Ainda bem que gostou :) Um beijo muito grande, muito sentido.

Pedro Branco, talvez tenhas razão. Mas por vezes não é isso que sinto. Obrigada pelas sempre generosas palavras. Beijos

2/16/2009  
Blogger Heartbeat said...

As tuas palavras fazem-me bem. Pode até chover dentro de mim... com as tuas palavras o meu corpo sossega :) Beijos Nuvem

2/16/2009  
Blogger nuvem said...

Heartbeat, ainda bem que as minhas palavras têm esse efeito apaziguador... Ainda bem. Obrigada e beijos para ti também.

2/16/2009  
Blogger Tat Wam Asi said...

Tão simples e tão belo

2/16/2009  
Blogger nuvem said...

Tat Wam Asi, obrigada pela visita e pelas palavras deixadas. Espero que sejam apenas as primeiras de muitas mais.

2/16/2009  

Enviar um comentário

<< Home