terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Sol de Inverno


O sol seca as lágrimas
que já moram nos meus olhos
,
e por momentos, acredito.

Acredito que a vida é muito mais

do que este choro silencioso,

que faz do meu peito

um Inverno sem fim.

Fecho os olhos,
e ao fundo de mim,

quase consigo ver um céu
florido de nuvens brancas.
Quase consigo tocar a Primavera.



Imagem retirada de http://olhares.aeiou.pt

5 Comments:

Blogger José Rui Fernandes said...

Pelo amor a folha se torna flor,
Pelo amor a for se torna fruto.
No coração.
É assim... desde que haja Primavera!

Um beijo,
José Rui

12/15/2009  
Blogger susana said...

Adoro a primavera...

12/16/2009  
Blogger thiago corban said...

Olá meu nome é Thiago Corban sou poeta e compositor adorei seus poemas um grande abraço e se puser visite o meu blog/corbanbrasil.blogspot.com
um abraço.

12/16/2009  
Blogger 非凡 said...

I'm appreciate your writing skill.Please keep on working hard.^^

12/16/2009  
Blogger nuvem said...

José Rui Fernandes, obrigada pelas doces palavras. Beijos

Susana, eu também :) Beijinhos

Thiago Corban, prometido. Beijos e obrigada pela visita!

..., I will :)

12/17/2009  

Enviar um comentário

<< Home