domingo, 4 de abril de 2010


Não há poemas para dias como este.
Não há poemas. Não há.

Não há dias como este.


Imagem retirada de http://olhares.aeiou.pt

6 Comments:

Blogger Tatiana said...

Não há palavras para expressar o que sinto ao ler-te.

Um beijo carinhoso

4/04/2010  
Blogger António said...

Só o dia é um poema...

Beijinho
António

4/05/2010  
Blogger Walter said...

Não é preciso muitas palavras para me silenciar, é preciso sentimentos avassaladores e é isso que despertas em mim.

4/05/2010  
Blogger Donagata said...

E, afinal, até que houve....

beijos.

4/06/2010  
Blogger pin gente said...

por vezes há!

um beijo

4/06/2010  
Blogger José Rui Fernandes said...

Houve um dia (bom ou mau) para ser poema...

Abraço

4/09/2010  

Enviar um comentário

<< Home